“Cimento Holcim forneceu 8 milhões de metros cúbicos de cimento ao Estado Islâmico.”

Por Ismaël Halissat et Willy Ledevin, Libération – 

O inquérito judicial francês sobre o escândalo Lafarge acaba de lançar luz sobre os vínculos muito estreitos entre o fabricante de cimento e os Serviços Secretos franceses na Síria.

Quando ela está encarregada de instruir uma queixa de antigos funcionários da multinacional contra seu empregador, a juíza Charlotte Bilger amplia progressivamente suas investigações à atividade da cimenteira. Uma coisa levando a outra, ela acabou se interrogando sobre um eventual suprimento de cimento para o Estado Islâmico.

JPEG - 42.9 kb
Soldados do Estado Islâmico na fábrica da Lafarge-Holcim em Jalabiyeh (Síria)

 

Antes mesmo da abertura deste caso em Paris, Thierry Meyssan havia revelado que a Lafarge tinha fornecido cerca de 8 milhões de metros cúbicos de cimento a vários grupos jiadistas, para que eles construíssem um conjunto de fortificações e instalações subterrâneas; o que o cimenteiro se recusa a comentar. Ele havia igualmente revelado que Hillary Clinton fora advogada e administradora da firma, assim como os serviços prestados pela multinacional à CIA.

Fonte: voltairenet.org – http://www.voltairenet.org/article200937.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s