Através da Rússia, nigeriano entrou na Finlândia c/passaporte brasileiro falso.

Por Jussi Rosendahl e Denis Pinchuk

[Imagem: helsinki.jpg]

Imagem: cidadesemfotos.blogspot.com

HELSINQUE/SÃO PETERSBURGO (Reuters) – Cinco pessoas entraram ilegalmente na Finlândia com a ajuda de documentos de identidade de torcedor da Copa do Mundo e depois solicitaram asilo, disse a agência de segurança de fronteira finlandesa nesta quarta-feira.

De nacionalidades nigeriana, marroquina e chinesa, eles chegaram através do país-sede da Copa, Rússia, que permitiu que pessoas com ingressos para partidas do Mundial entrassem sem visto no país, disse à Reuters uma autoridade graduada de segurança de fronteira.

“Nós estávamos preparados para isso, (sabíamos) que pessoas poderiam entrar na Rússia sem visto”, disse Marko Saareks, chefe de análise e risco da agência de segurança de fronteira da Finlândia.

“Mas foi uma surpresa que isso começou bem no início do torneio”, disse, acrescentando que soube que casos semelhantes aconteceram nos Estados bálticos e na Polônia.

A Finlândia faz parte do Espaço Schengen, da União Europeia, composto por 19 nações cujas fronteiras podem ser cruzadas sem verificações.

Saareks disse que um cidadão nigeriano entrou na Finlândia na sexta-feira através da Rússia com um passaporte brasileiro falso, e no domingo três marroquinos entraram.

No terceiro caso, um chinês pousou em Helsinque em um avião que saiu da Rússia portando apenas a identidade de torcedor da Copa do Mundo, segundo autoridades de fronteira da Finlândia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s