“Comando Delta”: a fábrica de presidentes do Brasil.

Por ULTRON  – Bruna T  – Aileron  – Edição: Cimberley Cáspio / Fórum Anti Nova Ordem Mundial

Publicado em 2012

Agente da polícia federal denuncia a fabrica de presidentes

Os seguintes trechos, são de uma entrevista realizada no ano de 2000 pela revista Caros Amigos com o agente da polícia federal Francisco Carlos Garisto, em que o mesmo, menciona a existencia de um organismo atuando nos bastidores da politica brasileira na escolha dos governantes do país. Esse organismo é denominado Comando Delta.

[Imagem: Deltaup2.jpg]

 “O Comando Delta é a fábrica de presidentes, é o que comanda o sistema brasileiro, que faz a reunião para escolher FHC, que já deve estar fazendo reunião pra convidar outro.”
Sérgio de Souza – O que é o Comando Delta?

Garisto – O Comando Delta é a fábrica de presidentes, é o que comanda o sistema brasileiro, que fez a reunião para escolher o Fernando Henrique, que já deve estar fazendo reunião para convidar outro.

João de Barros – Quem faz parte desse Comando?

Garisto – Ah, esse comando é florido! Não vou entrar nessa, que essa eu não posso.

Sérgio de Souza – Não precisa dizer os nomes, só os cargos, ou de que áreas.

Garisto – De todas. De médico a político, a tudo. Eles se reúnem e não existe uma coisa planejada. O camarada, por exemplo, é dono de uma escola e está faturando milhões, se entrar o Lula: “Aí ele vai me ferrar, estou ganhando 100 milhões por ano…”.
Quase todos – Di Genio?

Garisto – Vocês que estão falando. Aí tem, por exemplo, um banqueiro — quero ver vocês falarem agora.

Wagner Nabuco – Tem muitos.

Garisto – Aí você tem o sistema bancário, por exemplo, e os caras faturando um bi por ano, você pega o último balanço do banco e ele passa a ser o primeiro — estou dando dica pra caramba —, aí você vê um cara desses correr risco de entrar um maluco qualquer na presidência da República; não é aquele conluio de conspiração para matar o Kennedy, mas é aquela coisa que você se organiza para manter o status quo: “Vem cá, meu irmão, o que vamos fazer?” E eles chamam de Comando Delta: “Não está na hora de reunir o Comando, não?” Então, eles chamam um, chamam o outro, se reúnem.

Wagner Nabuco – Tem um secretário?

Garisto – Não tem secretário, nem presidente, não é conspiração, é informal, cuidam dos interesses deles com as armas que têm: grana!
João de Barros – Mas é palaciano?

Garisto – É pré-palaciano. E depois levam o resultado. Então, você reúne a empreiteira que faturou não sei quantos milhões, o banqueiro que ganha não sei quantos milhões, e aí você tem que eleger uma pessoa para comandar os trabalhos, como na maçonaria tem o grão-mestre, aquelas coisas.

Verena Glass – Tem consultor externo?

Garisto – Tem de tudo. Hoje, você está conversando, amanhã os caras estão entregando. Uma vez dei uma entrevista na televisão e falei: “O Comando Delta acaba escolhendo um presidente aí”. Só falei isso, e a entrevistadora, na hora: “Quem é o Comando Delta?” Eu: “As pessoas ‘de bem’ do país, pessoas que comandam a economia, o mercado”. Rapaz, deu um bode desgraçado! Ela me ligou depois de dois dias e disse: “Garisto, o que tem de gente ligando querendo saber do Comando Delta”. Falei: “Isso é coisa do Chuck Norris, Comando Delta 2, 3, pára com isso! Tô fora, porque eles são muito fortes”. São unidos, ricos e inteligentes. Aquela operação toda feita no seqüestro do Diniz, organizado, bonitinho, vocês da mídia são os donos dela através do representante maior de vocês — daqui a pouco estou falando o nome, que já ganhou a segunda tartaruga agora. Ele ganhou a segunda tartaruga porque a outra morreu. (risos)
REVISTA CAROS AMIGOS

ENTREVISTA EXPLOSIVA COM O AGENTE DA POLÍCIA FEDERAL FRANCISCO CARLOS GARISTO

1

“Garisto – O governo americano incentivou o golpe para botar o García Meza mesmo sabendo que ele era envolvido com droga, porque a Lidia Gueiler estava querendo instalar um socialismo independente, querendo encarar os americanos. Tomamos uma revolução aqui por causa disso também. Todo mundo toma. E se não cuidar toma de novo. Não acabou essa ameaça.”
“Tem muita coisa errada como na Polícia Federal, por exemplo, você vê no aeroporto aquele bonitinho de terno, aquelas menininhas, alguém aqui acha que são da Polícia Federal? São funcionários da Protege, empresa de segurança. São contratados. Fui contra, entrei na Justiça, entrei na Procuradoria.”
“Wagner Nabuco – Como é que é? No aeroporto, aquele pessoal do raio X não é da Polícia Federal?

Garisto – Não, são da Protege, quando chefiei o aeroporto eram, hoje não sei se ela ganhou o contrato de novo. Se não for da Protege, é de outra empresa de segurança privada. E outra: eles custam para a nação mais do que um agente federal.”

” O ministro disse: “Essa é a idéia que o presidente tem e quer a ajuda de vocês pra botar as tropas para fora da PF, porque se ele botar agora desmoraliza e os militares vão chiar; como é que a gente faz para essas tropas irem de volta pro quartel?” Eu falei para o ministro: “Já que a palavra oficial do senhor é de que estão falando em insurreição, golpe, vamos fazer o seguinte: amanhã, o presidente declara que vai negociar e eu falo o que já vinha cumprindo, que vou colocar 30 por cento do efetivo. Não estão falando que invadiram porque não tinha os 30 por cento? Então o presidente sai vencedor, porque ele não pode sair desmoralizado. O que eu quero é a minha gratificação, o meu salário igual da civil, não quero desmoralizar ninguém. Ele dá uma de bravo no Jornal Nacional dizendo que não admite baderna e que se botarmos os 30 por cento ele retira as tropas, dá uma bronca na gente em nível nacional, a gente dá uma mijada pra ele, bota os 30 por cento que já tinha e ele manda as tropas para o quartel”. No dia seguinte, o presidente: blablablá e cacete na gente, eu falei: “Pessoal, é o sinal”. Aí eles recolheram as tropas.”

“Wagner Nabuco – Mas a Senad tem agentes trabalhando para ela?

Garisto – Já tem alguns policiais federais trabalhando lá e tem pessoas contratadas, puxa de um ministério, puxa de outro…Tenho uma tese de que existem grupos poderosos, políticos poderosos que não querem uma Polícia Federal forte. Não querem porque é um país de ladrões, de corruptos que não querem dar asas pro gato pegar o rato.”

Entrevistadores: Verena Glass, Marina Amaral, Cláudio Júlio Tognolli, Mylton Severiano, João de Barros, Wagner Nabuco, André Bertolucci e Sérgio de Souza.

Daciolo denuncia Nova Ordem Mundial e pede volta de voto em papel em debate

[Imagem: 17ago2018---cabo-daciolo-patriota-durant...15x300.jpg]

O candidato à presidência Cabo Daciolo, do Patriota, voltou a citar uma teoria da conspiração durante um debate, desta vez na RedeTV!. Depois de alertar sobre a Ursal no primeiro debate na Band, ele denunciou que as urnas eletrônicas estariam beneficiando um “candidato da Nova Ordem Mundial” nas eleições brasileiras.

Ao questionar Guilherme Boulos (PSOL) sobre a credibilidade das urnas eletrônicas, Daciolo, com a Bíblia em mãos, afirmou que o sistema é fraudulento e pediu a volta das cédulas de papel. Depois da fala, o termo “Nova Ordem Mundial” chegou ao topo do ranking dos termos mais comentados no Twitter.

“Tem que haver as cédulas, senão já está tudo escrito lá no final, já está tudo programado, já tem um candidato da Nova Ordem Mundial para entrar no país. E não fique pensando que é teoria da conspiração, não. Por que tinha uma lei federal para colocar o voto impresso e não colocaram? Vamos votar em cédulas para honra e glória do senhor Jesus”.

Ao falar sobre “Nova Ordem Mundial”, Daciolo se referiu à suposta existência de uma organização de setores da elite com o objetivo de comandar um governo global, ideia geralmente associada à maçonaria e aos Illuminati. No debate da Band, o candidato havia alertado sobre a criação de uma União das Repúblicas Socialistas da América Latina, a Ursal.

A nova teoria da conspiração voltou a divertir a internet:

 – http://garisto.webs.com/revistacarosamigos.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s