São Paulo: morrem 2 heroínas da saúde.

Por Guilherme Caetano – O GLOBO

SÃO PAULO — Duas profissionais da área da saúde, uma médica e uma técnica de enfermagem, morreram na última sexta-feira, em São Paulo, com suspeita de terem contraído o novo coronavírus. Ainda não se sabe se houve a contaminação.

Uma das vítimas é uma médica da rede municipal de saúde, que estava internada no Hospital Sancta Maggiore, que pertence à Prevent Senior, rede que até o momento concentrou a maior parte das mortes na capital paulista. A outra vítima se trata de uma técnica de enfermagem do Laboratório Lavoisier. Ela estava hospitalizada em razão de sintomas gripais no Hospital Presidente.

O secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, falou sobre o caso da médica na coletiva de imprensa na tarde deste sábado. Ele afirmou que a secretaria está investigando o caso.

— Nós temos um caso de uma médica nossa generalista. Nós estamos averiguando todos os dados. Ela é do sistema do município, ela tinha comorbidades, foi internada por volta do dia 23 (de fevereiro), no período do carnaval, para tratar dessas comorbidades e teria sido acometida por insuficiência pulmonar e respiratória no Hospital Sancta Maggiore — afirmou.

Esses óbitos não constam nas estatísticas oficiais da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, que contabiliza 15 mortes no estado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s